O Programa (PACCS)

Proposta do Programa

Proposta do Programa

O Programa Acadêmico em Ciências do Cuidado em Saúde (PACCS) foi criado em 2009, com o Curso de Mestrado e passou a ofertar o Curso de Doutorado a partir de 2014. Tais propostas foram aprovadas em todas as instâncias da UFF, contando com um singular apoio institucional. Ambas foram encaminhadas para CAPES dentro do prazo estimulado e foram aprovadas por esse órgão, sem exigências, o que permitiu a consolidação e ampliação do Programa na Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Fluminense.

Ao longo de sua trajetória este Programa vem se destacando por seu caráter interdisciplinar, atendendo a demanda de enfermeiros e de outros profissionais de saúde e áreas afins. Desde sua proposta inicial o PACCS vem mantendo seu compromisso social e ético de promoção da vida, contribuindo na formação de profissionais capazes de desenvolver projetos relevantes que tenham impacto na dimensão sócia, cultural, epidemiológica e clínica da população.

Além disso, ressalta-se a contribuição do Programa na formação de mestres, doutores e pós-doutores não somente do Estado do Rio de Janeiro mas também de outros estados do Brasil como Maranhão, Pará, Espírito Santo, Goiás, São Paulo, Amazonas, Minas Gerais entre outros assim como de países da América Latina como Colômbia, Peru e México.

A multidisciplinaridade e a concepção ampliada de saúde são fatores que motivam e atraem estudantes de diferentes áreas do conhecimento tais como enfermagem, administração, direito, educação física, farmácia, filosofia, fisioterapia, história, medicina, nutrição, pedagogia, psicologia, odontologia, serviço social e teologia. A maioria dos mestrandos e doutorandos estão diretamente ligados aos serviços de saúde pública ou privada no Brasil que com suas pesquisas, têm contribuído para resolução de problemas nas práticas de saúde, incentivados pela pedagogia progressista adotada no curso.

Em 2017 teve início um novo quadriênio do Programa, sob a coordenação das professoras Dr.ª Beatriz Guitton Renault de Oliveira e Dr.ª Vera Maria Sabóia, eleitas com votação expressiva pelos docentes e funcionários técnico-administrativos do PACCS. A atual coordenação vem buscando dar seguimento ao planejamentoestabelecido em 2016,além de implementar ações inovadoras no que tange ás questões teóricas, metodológicas e gerencias do Programa.

O PACCS tem como objetivo geral formar pesquisadores qualificados e comprometidoscom o avanço e inovação do conhecimento em nível de Mestrado Acadêmico (MA), Doutorado (DO) e Pós-Doutorado (Pos-Doc),no contexto da saúde brasileira, visandoa dinamização da produção de conhecimento acadêmico orientada pela dialogicidade, do cuidado-educativo com foco na liderança, capacidade de criação, inovação tecnológica, sustentabilidade, rigor científico e ético da vida, colaborando para o aprimoramento da docência e da transformação social, atendendo a área de concentração do Programa“A complexidade do cuidado em enfermagem e saúde”.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS DA LINHA DE PESQUISA 1 (UM) “O Cuidado no contexto sociocultural”:

1- formar mestres e doutores para atuarem nas diversas instituições de ensino e suas interfaces, de modo ético, participativo e inovador;

2- investigar problemas de saúde individuais e coletivos, relevantes e emergentes, relativos ao contexto cultural, psicossocial, epidemiológico e de inovação;

3 – elaborar pesquisas, teorizações, modelos de cuidado e inovação em nível de promoção da saúde e prevenção de doenças, integrando teoria e prática.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS DA LINHA DE PESQUISA 2 (dois) “Cuidados Clínicos”:

1- formar mestres e doutores para o campo da clínica, atendendo os cuidados nos diferentes ciclos vitais humanos e na epidemiologia clínica;

2 – investigar problemas de saúde na clínica e na gestão do cuidado;

3- elaborar pesquisas, teorizações, inovações, modelos de cuidado em nível da proteção, tratamento e reabilitação em saúde.

 

O PACCS está articulado à rede de serviços de saúde pública de Niterói, assim comooutros municípios do Estado do Rio de Janeiro e da Federação.

A EEAAC realiza atividades nessas regiões, por meio de convênios de ensino, projetos de pesquisa e extensão que desenvolvem consulta de enfermagem, atividades de educação em saúde, relatórios com dados de agravos de maior relevância epidemiológica, visando à prevenção de doenças, trabalhos com grupos humanos e planejamento em saúde. Por conseguinte, os níveis de promoção à saúde, prevenção e diagnóstico precoce são atendidos nesses serviços, que subsidiam a formação de enfermeiros e profissionais de saúde. Essa formação está fundamentada no contexto atual de saúde que é dinâmico,social e cultural.

O PACCS parte de uma perspectiva complexa dos saberes e práticas em saúde, de forma dialógica, inter e transdisciplinar, na produção de conhecimento com parcerias internas e externas à Universidade, visando a produção do conhecimento, comprometido com a transformação da sociedade.